RELATÓRIO DA ORDEM DOS REVISORES OFICIAIS DE CONTAS


ESCLARECIMENTO À IMPRENSA

 

Coimbra, 5 de Maio de 2011 – É hoje apresentado o relatório anual da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas sobre a situação financeira dos municípios portugueses, relativamente ao ano de 2009.
Sabemos que o ano de 2009 foi um ano particularmente complexo em termos de acção e apoio social prestado pelos municípios às populações, particularmente às mais carenciadas, pelo que os resultados financeiros apresentados têm que ser considerados nesse contexto particular.

 

Contudo, pensamos não fazer qualquer sentido apresentar contas de 2009 quando as contas relativas a 2010 são já publicamente conhecidas e demonstrativas do bom comportamento orçamental e financeiro dos municípios. Há uma efectiva redução na despesa em 2010, fruto de modelos de gestão rigorosa, o que permitiu aos municípios portugueses, globalmente considerados, serem a única entidade pública que, com resultados positivos na ordem dos 70 milhões de euros, não contribuiu para o défice.